Como diria o famoso rapper Eminem: “Música é como um tipo de mágica”. Penso assim também, elas podem influenciar fortemente nossas emoções e sentimentos!

Gosto de pensar na música como um tipo de agulha e linha que também tem a capacidade de nos costurar por dentro. Ela tem este poder sutil sabe… de nos reconectarmos a nós mesmos, isso chega a fazer até com que nosso corpo queira dançar.

A música já fez muito por mim por toda vida! Já me alegrei e morri de amores ouvindo Bruno e Marrone e Skank. Já dancei na chuva ouvindo Gene Kelly com “Singin' in the Rain”. Pensei muito na vida ouvindo Louis Armstrong com “What a Wonderful World”.

Caramba, só este parágrafo me fez sentir tantas coisas diferentes aqui escrevendo para você, que vou até continuar mais um pouco!

B.B King!! “I like to live the Love” ahh eu arrepiei aqui literalmente quando toquei o som para relembrar! Não sei se sou só eu, mas eu amo música e ela me preenche de verdade!

Falando nisso, se você também é assim, faz um grande favorzão pra mim? Diga lá nos comentários que eu não estou sozinho!

E como sei que você vai compartilhar la nos comentários sobre como a música te toca, vou contar um segredo meu: Já dancei muito “é o tchan” e “funk nervoso” nas escondidas, mas não espalha pelo amor de deus! hahahahaha.

A influência da música no ambiente do Restaurante

A música também pode de maneira subliminar, influenciar nas nossas decisões e percepções nos permitindo ficar mais a vontade nos mais diversos ambientes.

E por que não explorar este dom da vida de forma a colaborar com o bem-estar das pessoas em seu restaurante?

Da mesma forma que a decoração e o atendimento interferem na percepção do cliente sobre qualquer ambiente ou estabelecimento, a música do ambiente também tem o seu importante papel.

Em bares e restaurantes esses detalhes “não culinários” precisam ser levados em consideração!

Mesas, cadeiras, plantas e lumináriasMesas, cadeiras, plantas e luminárias. Por Engenho/Cliente Empório Tambo

Se o cliente é bem atendido, gosta do aroma e das músicas do ambiente, será natural ter uma conexão com o seu restaurante e com certeza ele voltará mais vezes.

Mas essa relação pode ir beeem mais a fundo… Olha só:

Segundo a pesquisa desenvolvida para a dissertação de mestrado de David Wesley da Silva, defendida na Faculdade de Engenharia de Alimentos da Unicamp, constatou que as músicas românticas e clássicas podem aumentar a aceitação de um alimento.

Isso até nos lembra o nosso post sobre Cores para restaurante, né? Onde elas também possuem esse poder de influenciar as nossas escolhas!

Esses estudos nos levam a refletir sobre como nós, seres humanos, somos sensitivos e fazemos isso sem perceber!

Sendo assim, precisamos usar a música ao nosso favor no momento de escolher a nossa playlist, e para fazer isso é necessário tomar alguns cuidados que você verá agora!

Banqueta, microfone e violão

Banqueta, microfone e violão. Por Casa Gabbi - Cliente Empório Tambo

Como escolher a música ambiente do restaurante

Antes de tudo, pense que a música precisa combinar com o gosto do seu público-alvo e com o estilo do seu restaurante, seja japonês, italiano, caseiro, sofisticado… e por aí vai!

É claro que é difícil de acertar o gosto de todos os clientes, mas a maneira mais fácil de ter uma base, é pela faixa etária.

Por exemplo, a maioria dos seus clientes são jovens que frequentam a universidade próxima do seu restaurante ou bar.

A decoração, localização e atendimento do seu estabelecimento se encaixam perfeitamente com o gosto e estilo deles.

Mas se no seu restaurante só tocasse música clássica, será que eles iriam voltar mais vezes? Talvez poucos deles, né?

Homem tocando violão e cantandoHomem tocando violão e cantando. Por Los Hombres/Cliente Empório Tambo

Outro cuidado que devemos ter é em questão ao volume. O som muito alto dificulta a conversação das pessoas e também acaba incomodando quem quer ter um momento de pausa, que é a hora da refeição.

Mas, também não ter nenhum som ambiente não funciona, afinal, tira a privacidade dos clientes que não conseguem conversar sem que a mesa ao lado escute tudo hehe!

Além disso, temos mais algumas dicas:

  • Organize a playlist por estilos, sem parecer que foi tudo colocado aleatoriamente dentro da pasta.
  • Não deixe que a playlist fique muito curta para que não toque várias e várias vezes a mesma música em um pouco espaço de tempo.
  • Evite sintonizar em rádios da cidade, as músicas podem até serem boas, mas as propagandas e anúncios acabam se tornando desagradáveis e irritantes.

Então, depois de tanto dizer o que você deve evitar, agora vamos te ajudar a elaborar uma boa playlist para o seu estabelecimento baseado no estilo do seu restaurante!

Músicas para restaurante chique e elegante

Se o seu restaurante é de alto padrão, sofisticado e elegante, as músicas precisam acompanhar essas mesmas características!

Segundo Adrian North, professor de psicologia da música em uma universidade na Austrália, a música clássica estimula a compra de produtos mais caros.

Talvez seja porque só de ouvir já nos imaginamos degustando uma entrada ou um acompanhamento, levantando uma taça de vinho ou champagne, rsrs!

Nesse caso, os estilos mais indicados são o jazz e a música clássica. Também inserimos alguns sucessos da Bossa Nova, que traz consigo os traços do jazz.

Esses ritmos são em uma frequência mais baixa que permitem que as pessoas conversem em um tom agradável, sem precisar elevar o tom de voz.

Mesa com toalha branca, cadeiras, taças e talheresMesa com toalha branca, cadeiras, taças e talheres. Por La Caceria

Além disso, por esses estilos serem mais calmos, eles reduzem os stress e fazem com que as pessoas permaneçam por mais tempo no local.

Ou seja, ideal para esses restaurantes que acontecem reuniões executivas e diversos outros encontros formais!

Então, você dono de um restaurante que contempla um estilo mais elegante, não deixe de conferir a playlist que separamos para o seu ambiente!

Músicas para Restaurante Japonês

Para você ter um pouco mais de noção sobre a importância da música dentro de um estabelecimento, é só imaginar um sertanejo raiz tocando dentro de um restaurante japonês.

Por mais que essa seja a vontade de quem está criando a playlist, não tem como, né? Seria trágico se não fosse cômico hahaha!

Já vimos em diversos posts aqui no blog que a decoração de um restaurante japonês, na maioria das vezes, é bastante moderna.

Se você pretende deixar o seu restaurante com o ambiente ainda mais típico de um restaurante japonês, tem a opção de inserir as músicas feitas com os instrumentos característicos orientais.

Algumas delas inclusive nos lembram os animes!

Restaurante japonês com bonsais e quadros na paredeRestaurante japonês com bonsais e quadros na parede. Por Restaurante de Sucesso

Mas, se essa não é bem a sua intenção e você prefere tornar o ambiente do seu restaurante um pouco mais descontraído e informal, as músicas puxadas para um estilo mais lounge, deep house e até mesmo rock, representam muito bem a elegância de um restaurante japonês.

Dá uma conferida na playlist que separamos e depois conta pra gente quais as principais músicas que se encaixam perfeitamente com o ambiente do seu restaurante japonês e com o público dele!

Músicas para Restaurante Italiano

Não tem quem não ame um restaurante italiano, não é verdade? Percebemos de longe a cultura da Itália estampada nas toalhas xadrez, nas cores e no buffet recheado de massas.

Sem falar que o ambiente é super aconchegante e familiar!

Aqui no Sul temos bastantes descendentes de italianos, então a cultura da Itália é muito nítida nos restaurantes que carregam essa culinária.

Restaurante Italiano com cadeiras, mesas e toalhas xadrezRestaurante italiano com cadeiras, mesas e toalhas xadrezRestaurante italiano com cadeiras, mesas e toalhas xadrez. Por Olhar Conceito.

As músicas nesses estabelecimentos na maioria das vezes são típicas e/ou instrumentais, e nos lembram bastante o estilo da música clássica e romântica.

Só de falar em música italiana, já associo a “La Bella Polenta”. Você já ouviu? Essa é muito famosa aqui no Sul!

Sendo assim, separamos uma playlist com músicas instrumentais, jazz, músicas mais tradicionais italianas, e também os seus hits atuais caso seu restaurante tenha um ambiente mais descontraído!

Música Animada para Restaurante

As músicas animadas e agitadas são as mais indicadas para restaurantes fast-food, e vou te mostrar o porquê.

Já vimos no post Cores para restaurante, que a intenção das redes de fast-food é gerar rotatividade, então não teria sentido inserir uma música ambiente em um ritmo calmo, concorda?

As músicas mais agitadas favorecem essa intenção do “comer e sair” das redes de comidas rápidas!

Não só a música em si, mas o volume da mesma no ambiente também tem o poder de influenciar o consumidor dentro de um restaurante de fast-food.

É o que dizem as pesquisas feitas pelo professor de marketing Dipayan Biswas, da Universidade da Flórida do Sul.

Ele concluiu que quando a música está alta, os consumidores têm mais chances de pedir comidas que não são saudáveis. O registro de vendas de hambúrgueres chegou a aumentar 20%.

Mas é claro que temos que ter um cuidado para não exagerar no volume e fazer do restaurante uma festa.

Pessoas em um restaurante de fast-foodPessoas em um restaurante de fast-food. Por Buffalo/Exame

Então, depois dessas conclusões, os estilos mais populares aqui são o eletrônico, electro house, hip-hop, pop e dance.

O pop principalmente, é ideal para locais que são frequentados por jovens e é uma boa opção para os horários diurnos, pois transmite uma sensação de ânimo e liberdade!

Mesas, cadeiras e balcãoMesas, cadeiras e balcão. Por Roof - Cliente Empório Tambo

Confere a playlist que separamos para tornar o ambiente do seu restaurante super alto astral!

Músicas Sertanejas para Restaurante

As música sertanejas são muito famosas em bares e restaurantes, principalmente em repertórios de shows ao vivo pela noite.

O sertanejo raiz, principalmente, é bastante tocado em restaurantes caseiros ou restaurantes com uma pegada mais “rancho”.

Essas músicas até incentivam uns goles a mais para quem está na fossa, não é verdade? Então deixe as bebidas do seu restaurante à postos!

Clientes em mesa no O BotequimClientes em mesa no O Botequim/Cliente Empório Tambo

Dependendo do seu público-alvo o sertanejo pode ser mais redirecionado ao raiz ou ao universitário atual.

Normalmente, o sertanejo raiz também agrada aos jovens, porém, já o universitário atual não é muito conhecido pelo público mais experiente.

Sendo assim, na nossa playlist você vai encontrar os dois estilos, basta dar o play nas músicas que mais tem a ver com a sua clientela!

Músicas Rock and Roll para Restaurante

Chegamos ao estilo mais complexo de todos: o ROCK! É o estilo com maior número de sub estilos modernos de todos.

Muito tocado principalmente em bares e hamburguerias que carregam uma pegada mais underground, descolada e noturna.

Quer acertar no estilo do Rock? Toque o velho e bom rock and roll clássico, misture um pouco de heavy metal, uma pitadinha de punk e um fio de progressivos. Evite os “death” e “trash” mas pode caprichar no “power”!

Como os estilos são muito variados, seus clientes também devem ter diversas preferências, por isso é bom misturarmos um pouco os estilos.

Banquetas, mesas, balcão, parede de giz e tvBanquetas, mesas, balcão, parede de giz e tv. Por Biemeister Brewery - Cliente Empório Tambo

Imagina aquele casal ali na mesa sentados, só no rock, mas aí de repente, no meio de AC/DC, Black Sabbath, toca um Scorpions ou Beatles? ahh! um já olha para o outro e o amor acontece! e é isso que a gente quer! Fazer os clientes ficarem super a vontade e que seu estabelecimento seja lembrado para sempre pelos clientes, não é mesmo?

Quer saber!? Ouço heavy metal a 15 anos quase todos os dias no fone enquanto trabalho, então é só tocar a playlist que preparei pra você que vai ser tiro certo, é bater e valer!

Sabemos que em seu restaurante as pessoas não querem se sentar e ficar apreciando o silêncio.

Dá uma conferida na playlist de rock que separamos para o seu bar ou restaurante e depois nos conte o que achou!

Conclusão

As músicas estão presentes em diversos momentos do nosso dia a dia.

Estão no fone de ouvido a caminho do trabalho, na televisão enquanto limpamos a casa e até na playlist selecionada para malhar.

Mas nesse post conseguimos ver que elas também têm o seu papel na hora de influenciar o cliente a consumir algum produto. E muitas pesquisas mostram isso!

O estilo de música precisa fazer sentido com o tipo do seu restaurante e também com o do público-alvo.

Músicas mais calmas como um jazz caem super bem em um restaurante mais sofisticado, trazem tranquilidade e criam um ambiente propício para reuniões e jantares formais.

Já as músicas mais agitadas e animadas se encaixam em um restaurante fast-food, já que procuram pela rotatividade de clientes.

E aí, você sabia que as músicas tinham todo esse poder?

Nos conte aí embaixo nos comentários o que você achou e se você tem mais alguma sugestão para incrementarmos nas nossas playlists!